#Aquitem ingresso pelo Prouni



Você conhece o Prouni? Está por dentro desse programa que pode ser a sua porta de entrada para a universidade? Caso ainda tenha alguma dúvida sobre o assunto, não se preocupe. Preparamos este artigo como um guia que vai ajudar bastante nesta importante etapa que separa as pessoas comuns dos universitários.

Leia as próximas linhas com muita atenção e prepare-se, caso atenda aos critérios do Prouni, para agarrar a oportunidade e mergulhar em um universo totalmente novo. A jornada será muito divertida e promissora. Então, todo esforço será recompensado.

O que é o Prouni?

O Programa Universidade para Todos (Prouni) é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC). Criado em 2004 pelo Governo Federal, ele oferece bolsas de estudos integrais e parciais (50%) em instituições privadas de ensino superior, como o UNIFAMINAS, aos estudantes sem graduação que optarem pela participação.

Concluintes do Ensino Médio na rede pública ou particular, desde que na condição de bolsistas integrais, podem participar. A iniciativa é inclusiva, já que também é voltada aos estudantes com deficiência. Por fim, professores permanentes da rede pública no exercício da profissão também são bem-vindos no programa.

Uma consideração importante a respeito do Prouni é que as bolsas integrais são destinadas aos estudantes que comprovarem renda bruta familiar mensal, per capta, de até um salário mínimo e meio. Isso muda quando a bolsa pretendida for a parcial, já que, nesse caso, a renda deve ser de até três salários mínimos por integrante familiar. A exceção fica por conta dos professores de escola pública que não precisam comprovar renda.

Faz parte do público-alvo? Mas, calma. Ainda falta uma questão. A realização da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é um dos pré-requisitos para a candidatura ao Prouni. Mas não basta apenas ter feito a prova. São exigidos, no mínimo, 450 pontos na média das notas e não ter zerado a redação para validar a inscrição.

Como o Prouni funciona?

Semestralmente, o Prouni abre inscrições voltadas aos candidatos que não têm condições de arcar com as mensalidades totais da tão sonhada faculdade. Desde que atenda todas as exigências apresentadas no tópico anterior, o estudante está apto a participar da iniciativa de inclusão educacional, que é válida por todo o período de graduação. Isso sem falar no sistema de cotas de que vale a pena ficar por dentro.

As inscrições são feitas no próprio site do Prouni, de acordo com o calendário oficial previamente divulgado. O MEC, normalmente, estipula o prazo de quatro dias para isso. Portanto, não dá para marcar bobeira e nem deixar para a última hora. É preciso reunir as informações necessárias com antecedência, incluindo o CPF e o número de inscrição do último Enem, juntamente com a senha cadastrada, além dos dados sobre o seu grupo familiar.

Para cada curso, existe uma nota de corte. Entendê-la é muito simples. Basta considerar a nota do último candidato que seria aprovado naquele curso. Como o sistema é atualizado diariamente, a nota de corte pode variar muito até o fim das inscrições. Nessa condição, o estudante deve ficar atento aos números, porque é possível mudar para outra opção que esteja de acordo com a pontuação alcançada. Aproveite a oportunidade!

Na hora da escolha, avalie com muito cuidado o curso que tem tudo a ver com você e a instituição de ensino. A qualidade é um indicador muito importante e que faz toda a diferença no processo de construção do profissional que você quer ser.

Qual é a diferença entre Sisu e Prouni?

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) também é um programa do Governo. Ele funciona como um canal para o ingresso dos estudantes brasileiros no ensino superior. Da mesma forma que o Prouni, ele utiliza a nota do Enem como critério de seleção para concorrer a uma vaga na universidade. A diferença é que o Sisu lida com instituições públicas federais, estaduais e institutos.

Aprendeu como o Prouni funciona? Esperamos que este conteúdo tenha sido esclarecedor e mostrado mais uma possibilidade de ingresso ao mundo universitário. Existem muitas oportunidades que podem fazer toda a diferença no seu futuro. Que tal aproveitar a chance de investir, de maneira acessível, no seu sonho e trilhar uma carreira de muito sucesso?

Para se ambientar um pouco mais à realidade que você vai encontrar na graduação, leia o nosso outro post sobre os 5 clássicos da vida universitária!